A Fundação Cultural apresenta Cine Ópera – Gala Lírica de Sevilha

O encontro promove debate sobre centenário da Ópera no mundo

Desde o seu início na Itália no século XVI, a ópera tem deixado ao público encantado. A partir da primeira composição, Dafne, de Jacobo Peri, esse gênero musical tem representado dramas e romances. Grandes óperas exigem alta qualidade e dublagem de qualidade. Muitos nomes tornaram-se lendas e até mudou o curso do gênero, levando a elite para as massas, e locais exclusivos para os parques públicos.

Para debater a relevância deste grandes nomes da Ópera mundial, a Fundação Cultural de Jacarehy promove neste próximo domingo (25), o ‘Cine Ópera: Gala Lírica de Sevilha, às 18h30, na Sala Mário Lago. Depois da sessão de vídeo, teremos um bate-papo com o tenor jacareiense Paulo Abrão Esper.

Paulo comenta que, para os apreciadores de ópera da cidade, o encontro será significativo. “teremos uma homenagem para a soprano espanhola Montserrat Caballe falecida em outubro em Barcelona, ressalta o cantor, produtor e diretor artístico.

A entrada para o ‘Cine Ópera: Gala Lírica de Sevilha’ é gratuita. A Sala Mário Lago fica localizada no Pátio dos Trilhos, Centro.

Assessoria de Comunicação/FCJ  Foto: Luiz Cepinho

 

Compartilhe com todo mundo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp