PLiJ realizou oficina de escrita criativa e lançamento dos livros premiados

O PLiJ, Primeiro Prêmio Literário de Jacareí, aconteceu neste sábado (16) na Sala Mário Lago, garantindo casa cheia de apreciadores de livro. O evento comemorativo contou com uma oficina de literatura e o lançamento dos livros premiados de Rafael Quintinano  “Elétrons no Céu de Netuno”, Larissa Bueno lançará “A Mudança que eu não vi” e Giorgio Cappelli, “Quem tem medo dos lobos do mal”.

Com o objetivo de fomentar a cultura literária na cidade, o Jornal Semanário elaborou o I Prêmio Literário de Jacareí e foi um dos selecionados pela Lei de Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Jacarehy, que permite que empresas destinem partes de seus impostos para patrocinar projetos culturais.  Assim, a Suzano, ao receber a proposta do Semanário, aceitou e aprovou patrocinar desta iniciativa. O foco do projeto cultural foi difundir a literatura e incentivar os escritores da cidade. Os escritores Carol Rodrigues, Ana Laura Estaregui e Santiago Nazarian foram os convidados a realizar a curadoria e a seleção dos vencedores. Além da seleção, os curadores foram responsáveis por, após analisarem todas as inscrições, levantarem temas sobre literatura para trazer à cidade, como forma de incentivo e suporte aos escritores do município.

O PLIJ “I Prêmio Literário de Jacareí” foi beneficiado pela lei municipal 3.648/1995 (Lei de Incentivo à Cultura), com apoio da Prefeitura Municipal de Jacareí e Fundação Cultural José Maria de Abreu e patrocínio da Suzano.

Assessoria/FCJ

Compartilhe com todo mundo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp