Arquivo Histórico Público

O Arquivo Público de Jacareí passou por pequenas reformas necessárias para preservação dos arquivos e documentos. Além de da digitalização de muitos livros e organização do acervo.

As janelas foram vedadas nas salas do acervo com mantas térmicas para proteger os documentos da luz solar, UVB e UVA, nocivas aos documentos e controlar a temperatura do ambiente. Foi adquirida uma maquina higienizadora moderna,  começou-se a troca das caixas de documentos e um novo scanner foi comprado para digitalizar o acervo, de jornais a fotos.

Nesse sentido, ao todo, 43 livros do Cemitério do Averehy foram e digitalizados, com os dados de todos os túmulos que estão por lá, como o do Barão de Santa Branca e do Barão de Jacareí. Além desses livros, outros 03 livros da Santa Casa também foram digitalizados, aguardando-se a liberação de mais 05 para o mesmo procedimento.  Em breve, todas essas informações serão disponibilizadas nos site da Fundação Cultural.

O objetivo desse trabalho é facilitar a busca pela história do município e a pesquisa de lugares e pessoas que fizeram e fazem parte da cultura de Jacareí. Para o presidente da Fundação Cultural de Jacarehy, Fabricius Stipp, é importante preservar a memória do município e organizar a gestão documental.

O Arquivo Público fica aberto ao público de segunda à sexta, das 8h30 às 16h30, pode ser feito pesquisas e doações de fotos e documentos históricos.

Caroline Lima/FCJ

Compartilhe com todo mundo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp